Passo a passo para criar um bom planejamento de marketing digital

Carina Bacelar

Todo empreendedor sabe que o marketing digital se tornou um pré-requisito para qualquer negócio que deseja se manter competitivo. Não por acaso, 94% das empresas brasileiras já o utilizam como uma estratégia de crescimento, segundo a pesquisa Maturidade do Marketing Digital e Vendas no Brasil.

Indiscutivelmente, o volume de marcas que procuram se posicionar na internet é enorme. Na mesma proporção está o número de canais e estratégias que podem ser usadas nos meios digitais.

Diante de tanta concorrência e de possibilidades de divulgação, muitas empresas têm dificuldades para traçar ações que realmente tenham impacto e relevância sobre o público. 

A resposta para essa demanda está em um bom planejamento. De forma resumida, é ele que permite ao seu negócio definir onde, como, quando e para quem ele irá se comunicar na web.

Quer entender melhor a importância, como criar um planejamento de marketing digital eficiente e quais os erros a serem evitados? Então confira este artigo. 

Qual a vantagem de um bom planejamento de marketing digital? 

O planejamento de marketing digital é o que define as ações que uma empresa realiza na internet e que projeta os resultados que elas devem atingir. 

Sua função é traçar os objetivos da marca nos meios digitais e o “norte” para que eles sejam alcançados. 

Como todos sabem, o universo online é muito vasto e se transforma constantemente. As pessoas têm acesso a milhares de informações a todo momento. Isso lhes garante maior poder de escolha sobre o que consumir na web.

Para se destacar em meio a tantas opções, definir as abordagens mais adequadas e prever as inúmeras variáveis que marcam uma experiência na internet, é fundamental planejar-se.

Sem um bom guia, sua empresa certamente não terá bons retornos sobre seus investimentos e acabará perdendo dinheiro.

Pior do que isso: basta um equívoco na sua comunicação para que seu negócio seja alvo de críticas negativas nas redes sociais, em comentários ou até de influencers. Com um planejamento de marketing digital, você não só define as melhores estratégias, como também agrega previsibilidade aos seus resultados. 

Dessa forma, você se previne contra qualquer equívoco ou desperdício de recursos, impacta seu público-alvo, gera novas oportunidades de negócios e solidifica o seu posicionamento.

Como fazer um bom planejamento? 

Para entender como criar um planejamento de marketing digital, você primeiro deve ter em mente que as ações variam de acordo com o perfil de cada empresa.

Ou seja, cada marca precisa definir meios próprios para engajar seu público específico da melhor maneira possível.

Apesar dessa variabilidade, toda estratégia de marketing eficiente deve cumprir algumas etapas e requisitos. São eles que norteiam como cada campanha será estruturada. Isso inclui: 

Pesquisa

Antes de tudo, você precisa realizar uma pesquisa completa de mercado e de público para traçar suas metas de comunicação.

Os objetivos de marketing digital não podem partir de suposições. Você precisa entender as oportunidades disponíveis para a sua empresa e com quem ela irá “conversar”.

Com uma boa pesquisa, você entende como se destacar da concorrência, em quais canais o seu público está presente, qual a melhor linguagem a ser adotada, quais propostas de valor apresentar, que percepção sua marca já tem entre as pessoas, entre outros insights valiosos.

Definição de estratégias 

A partir da pesquisa, você saberá como agir de forma assertiva. Com base nos objetivos traçados acima, as ações a serem realizadas podem ser postas “na ponta da caneta”.

Entendendo o que sua audiência valoriza, em quais pontos a concorrência falha e como sua marca pode se destacar, é possível elaborar uma estratégia. 

Isso significa mapear todas as demandas a serem cumpridas pelo time de marketing digital, desde os canais em que ele irá atuar, até os materiais que serão criados neles, os insumos necessários para isso, a atribuição dos responsáveis, periodicidade, e assim por diante. 

Definição de conteúdo

Agora é hora de planejar e gerir o conteúdo em si. Você precisa definir exatamente o que será dito e como isso será feito para agregar valor à sua marca.

Isso depende do planejamento. Afinal, o modo com que uma empresa se comunica em uma rede social é diferente do que em um blog ou em um vídeo, por exemplo.

Considerando os canais, a linguagem do público e as suas metas, crie conteúdos capazes de sanar as dores dos seus clientes. Lembre-se que as pessoas procuram se informar na internet antes de comprar algo. Quando seu negócio oferece respostas para suas perguntas, uma relação de confiança é construída. Dessa forma, é mais fácil converter no momento da oferta.

Cronograma

Tão importante quanto se adequar à linguagem e às demandas do seu público, é fazer isso em um sequenciamento lógico de canais.

Dependendo da estratégia, sua empresa pode investir simultaneamente em redes sociais, anúncios pagos e em inbound marketing, por exemplo. Essas peças não podem ficar “perdidas”.

Em cada canal em que for abordado, o público deve reconhecer a comunicação construída por sua marca. Para que as ações não se sobreponham, é importante definir um cronograma para que elas sejam distribuídas de maneira coesa, com frequência e distribuição bem alinhadas.

Monitoramento

Mesmo com um excelente planejamento de marketing digital, você e seu time nunca terão certeza que as ações trarão os resultados esperados.

No entanto, através de ferramentas como o Google Analytics, plataformas das próprias redes sociais e demais softwares de monitoramento, é possível acompanhar métricas como ROI, CAC, taxas de conversão, novos leads, acessos ao site, vendas, entre outras que sejam relevantes às ações.

Erros mais comuns no planejamento 

Agora que você já sabe como funciona o marketing digital no planejamento, é importante se prevenir contra alguns erros para se aprofundar em cada etapa, iniciar seus investimentos e começar a impulsionar seu posicionamento na internet. Os principais pontos de cautela são:

Não focar no público alvo

O público precisa orientar todo o padrão de comunicação de uma marca. Até as empresas que querem atingir grandes números de pessoas devem traçar um perfil ideal de consumidor. Afinal, só assim é possível aumentar as chances de interesse e de engajamento por suas ofertas. 

Focar em apenas um caminho

Se concentrar em apenas um canal fará a empresa “refém” de suas regras e particularidades. A internet é um meio vasto. Ao variar as abordagens e adaptar a comunicação para cada meio, a presença digital da marca aumenta e as oportunidades de impactar o público também crescem. 

Não organizar suas postagens

Os canais podem ser diversos, mas seu posicionamento é um só. Não se esqueça de criar um sequenciamento lógico e unificado para seu conteúdo. A frequência também é importante, pois é ela que permite ao seu negócio “manter-se na mente” do público. 

Não medir seus resultados

Não há lugar para intuições no marketing digital. Todo tipo de ação precisa ser acompanhada de métricas. Essa é a única forma de encontrar gargalos, oportunidades de melhorias e de gerar os melhores resultados possíveis nas campanhas, sem chances de prejuízos. 

Não ter objetivos 

Jamais faça marketing digital “por fazer”. Sua empresa deve saber exatamente onde chegar. Sem um destino, não é possível traçar um bom rumo. Você precisa de metas realistas e mensuráveis para que a comunicação realmente atue em prol do seu crescimento. 

Ciente do que fazer e evitar para ter sucesso no marketing digital, chegou a hora de colocar tudo em prática. 

Com o Pipefy, você consegue criar um workflow à prova de erros para seu processo de criação de conteúdos digitais. A plataforma permite que você crie fluxos de trabalho integrados do zero ou a partir de templates prontos, com acesso em tempo real às informações que seu time precisa e com regras de automação fáceis de configurar, que eliminam as tarefas manuais e repetitivas da rotina do seu time.

Comece agora a otimizar seu processo de marketing de conteúdo com um template gratuito e pronto para usar.

Escrito por
Carina Bacelar

Receba nossas postagens no seu e-mail